28 janeiro 2009

vivir solo

*
*
- você não mora sozinha, Nina
- moro sim
- porque você diz isso?
- a minha casa é do meu jeito, a sala, a cozinha, todo espaço é meu
- você não mora sozinha....
- meus horários sou eu que defino...
- mas e o Felipe? E o espaço que ele ocupa na casa?
- isso é o de menos
- duvido que a sala da sua casa seja do jeito que você quer, sem brinquedo nenhum
- tá...
- duvido que os horários sejam os seus e não os do Felipe
- tudo bem... onde você quer chegar?
- você não mora sozinha, Nina
*
*
*

Felipe passou a semana na praia, com os primos. Eu em São Paulo, ele em Peruíbe. A semana foi atípica, cinco lugares vagos nos sofás da sala, o copo dos Rangers guardado no armário, passeio no Villa Lobos sem entrar na Ri Happy.
*
Fernando, você tem toda a razão. Eu não moro sozinha.
*
*

imagem: Living Alone,
www.newspagedesigner.com
*
*

2 comentários:

erica disse...

E os cocô do Guido, como vc explica esse fenômeno? Você usa o computador a hora que quer? Assiste ANTM das 20h? E as cuecas penduradas no varal?

Mani disse...

É! Mesmo quando a gente fica sozinha, depois que se torna mãe, nunca mais está só, ou é dona de seu destino. beijos.